Ainda celebrando o Dia Mundial da Síndrome de Down, dia 21-03, leia essa matéria linda do gatinho Monty, adotado com a síndrome, que virou celebridade.

Michael Bjorn e Mikala Klein são um jovem casal dinamarquês. Eles moram juntos e têm alguns gatinhos como animais de estimação. Um dia, os dois decidiram adotar mais um gato e o chamaram de Monty. Mas eles nunca poderiam imaginar a surpresa que teriam em relação a este bichano cinza e branco.

monty2-meupetespecial

Monty viveu em um abrigo de animais por anos. Ninguém queria adotá-lo porque ele tinha um aspecto diferente dos outros gatos, devido a um osso que faltava em seu nariz. Mas Michael e Mikala se apaixonaram por ele e o levaram imediatamente para casa. Porém, eles logo descobriram que havia algo errado.

Monty fazia suas necessidades em todos os lugares, menos em sua caixinha de areia. No início, seus novos donos pensaram que ele estava apenas tentando demarcar território. Mas o casal foi ficando cada vez mais cansado de encontrar poças de xixi por toda a casa e começaram a pensar em devolver Monty.

monty3-meupetespecial

Eles tentaram encontrar alguém que quisesse adotá-lo. Entretanto, no final eles decidiram que não podiam desistir assim tão fácil do seu bichano. Para tentar resolver o problema, o casal levou Monty ao veterinário e finalmente descobriu o motivo por trás de tudo!

O veterinário detectou que Monty era portador da Síndrome de Down felina. Fizemos uma matéria especial sobre essa condição em animais.  Um caso assim é muito raro, pois exitem poucos animais no mundo com esta sequência genética. Finalmente, seus donos entenderam o motivo do comportamento estranho do seu gatinho.

monty4-meupetespecial

Monty é super amoroso. Ele adora brincar com Michael e Mikala e com os outros gatos da casa.

Para contar sua história, seus donos criaram páginas dedicada a Monty no Facebook e no Instagram e ele acabou virando uma celebridade online. O gatinho já tem milhares de seguidores!

Super carinhoso Monty!

Super carinhoso Monty!

Monty é tão popular que Michael e Mikala resolveram criar uma marca com seu nome. Eles vendem roupas, brinquedos, e até mesmo cartas de baralho com a carinha do gato. Todo o lucro é doado para o abrigo onde Monty vivia antes de ser adotado.