Recebemos essa matéria linda da Patrícia sobre a July! Sabe quando você compra um filhote de raça bonitinho? Veio de uma fêmea matriz, escravizada para ter filhotes. Quando chega a idade são abandonadas. Aconteceu com a July. E ficou doente. Mas o amor da sua adotante foi maior! Veja!

July chegou para eu intermediar sua adoção, porém assim que entrou em minha casa não saiu mais. Tinha sido usada para procriação até onde pôde e com 6 anos foi descartada.

July assim que foi adotada. Triste, desconfiada. Foi matriz por 6 anos. Sua única função era procriar.

July assim que foi adotada. Triste, desconfiada. Foi matriz por 6 anos. Sua única função era procriar.

Em minha casa, na minha pequena matilha, se adaptou em tudo. Sua única exigência era estar comigo. Porém nesse início de ano sua saúde mudou. Ela começou a apresentar dores misteriosas e perder os movimentos nas patinhas.

Por um diagnóstico errado passou por uma cirurgia para retirada do baço, sem necessidade. Eu desesperada buscava o diagnóstico para tratamento. Foi diagnosticada com hérnia de disco na cervical <temos uma matéria sobre hérnia> porém houve piora progressiva do quadro: ela ficou tetraplégica! A médica, familiares e amigos me incentivavam a eutanásia. Mas não o fiz!

Minha doce e gulosa menina, agora estava tetraplégica e nem sabíamos por quê! Pedi a Deus que fizesse o melhor por ela, mesmo que o melhor fosse o fim daquela dor. Ele fez! Deus fez o melhor! Fui para SP capital, onde somente lá poderia fazer a ressonância. Embora seja caro, é indispensável para diagnóstico certo. Fiz empréstimo no banco e fui armada de coragem realizar a ressonância! E chegamos a um diagnóstico: um tumor na meninge (meningioma) que causou compreensão medular.

Achamos um neurocirurgião competente e comprometido em ajudar. Com coragem e muita perícia médica realizou a cirurgia e descompressão medular. Hoje minha gorda gulosa segue sua vidinha feliz ao meu lado sem nenhuma sequela!!!!!!

July, graças a persistência e amor de sua nova mãe, se curou de um meningioma que causou tetraplegia.

July, graças a persistência e amor de sua nova mãe, se curou de um meningioma que causou tetraplegia.

No vídeo mostramos July tetraplégica, sem movimento do pescoço para baixo do corpo, só nos seguia com os olhos. Muito sofrimento! E três dias após a cirurgia de descompressão, já em pé, tentando se equilibrar. Hoje ela não tem nenhuma sequela, é uma cachorra normal. Foram muitos os que me incentivaram a eutanásia. NUNCA condene um animal paralítico! Dê a ele ferramentas, exercícios e estrutura para voltar a andar! July é prova disso!

Sei que um dia o tumor pode voltar, que a idade (ela tem 8 anos agora em 2018) pode comprometer tudo. Mas o importante é o hoje e hoje deu certo! Sou grata a Deus, a todos os veterinários que auxiliaram. Sei que minha July é uma vencedora. Escrevo como forma de orientar e enviar força para quem passa por algo semelhante.